8.27.2009

GOZEI COM UM CONTO DA VILMA

Conto de Fátima : marfarj@hotmail.com

Meu nome é Fátima, tenho 44 anos bem vividos. Malho bastante e meu corpo é durinho,
tenho seios médios , uma bunda arrebitada e coxas grossas. Cabelos negros e longos, dizem
que sou muito bonita e simpática. Sou casada, mas atualmente meu marido não me tem
satisfeito, ando muito excitável. Tive alguns encontros deliciosos com homens e mulheres
graças as salas de bate papo da Internet.. E alguns encontros deliciosos comigo mesma
graças aos sites de contos eróticos...........Entrei em um site onde uma garota chamada
Vilma conta suas experiências. . São transas suas com muita chupação e muito sexo anal..
Aquela garota me excitou, mexeu comigo. .................Quando estou lendo ou relendo um
conto dela , sinto um calor no meio das minhas pernas. Ontem imprimi vários contos dela e
me imaginei com ela, vivendo suas experiências. Minha xaninha estava enviando um sinal
que era impossível ignorar. Eu podia sentir que ela estava úmida e que os lábios estavam
inchados e sensíveis. Eu estava sozinha naquele dia. .................Tirei a roupa, tirei a
calcinha. Ao encostar o tecido da calcinha na xana, gemi suavemente,toda a minha
sensibilidade tinha se concentrado lá. Abri as pernas e a xaninha de poucos pelos, abrindo-a
para mim mesma. .....................Adoro mostra-la, alisá-la na frente da pessoa que está
transando comigo, masturbar-me da frente dela, deixando-a louca. Quase gozo assim.Meu Deus,como seria bom se a Vilma estivesse aqui , para colocar os dedos e a língua
dentro dela, queria muitos carinhos nela. Comecei a alisar minha xoxota suavemente. Minha cabeça estava girando . Que tesão ! .

Já disse que sou uma mulher muito tesuda, atualmente aumentou esse tesão . minha
bucetinha tá sempre carente, meu marido é maravilhoso, é carinhoso comigo e às vezes até
sinto remorsos, mas tenho que transar com outras pessoas e me masturbar pra apagar meu
fogo. Estou ficando escrava dos meus orgasmos. Quando encontrei uma pessoa maravilhosa na Internet, descobri que as mulheres é que sabem tocar outras mulheres. Essa pessoa soube como cuidar da minha bucetinha ,me levando ao orgasmo duas ou três vezes de uma vez. Nenhum homem ainda fez isso comigo.Espalhei os contos impressos sobre a cama e enquanto ia relendo, comecei a tocar meus seios e minha xana molhada. Meus mamilos estavam durinhos e eu os torci ligeiramente, sentindo meu grelinho contrair-se enquanto eu o apertava com a outra mão. Corri o dedo pela minha racha de baixo pra cima, sentindo-o deslizar na umidade gotejando. Eu gemia
gostoso, torcendo mais fortemente meus mamilos. Minha buceta se contraia aos meus
toques. Comecei a me acariciar furiosamente , respirando ruidosamente. Imaginei a Vilma aqui me contando suas sacanagens, e eu expondo minha vagina e meu tesão pra ela, com as pernas
bem esparramadas.
Queria que ela soubesse como sou gostosa, como sou safada, como sou puta ! Como gosto de colocar um pau na boca e lamber e chupar, chupar até o cara gozar ! então bebo tudo, fico olhando pra ele com a cara melecada, com ar de vagabunda. É isso que eu sou ! Minha xaninha palpitava, enquanto eu fantasiava e lia. Meu marido tem um pau gostoso de pegar, é de tamanho normal mas é grosso e é carinhoso quando fode minha buceta, mas só as mulheres me chupam como eu gosto. Com tesão,com amor !
Pensando na Vilma , minha mão voava em cima do meu grelinho à velocidade da luz ! Eu me contorcia toda, torcendo meus mamilos e apertando meus seios. Imaginando sua boca
na minha bucetinha, eu senti um calor intenso e um orgasmo quente ! Me esfregava nos
lençóis e espalhei todos os papéis, gozando intensamente. Imaginei a boca da Vilma no
meu mamilo, me chupando, eu desmanchando seus cabelos em carícias selvagens. Gozei
muito naquela hora. Minha xaninha ficou sensível,latejando. Coloquei gelo sobre ela e ela foi
se acalmando, em contrações leves,até eu me estirar cansada sobre a cama.Vilma, gostaria que você soubesse que tem me feito gozar muito, embora indiretamente. . .....Meu e-mail é marfarj@hotmail.com....Gostaria que me escrevessem ..para trocarmos
experiências..Beijos a todos.

***
GOZANDO NO CHAT
Email enviado por Lina : adelina.j.o@gmail.com
A história que vou contar é verídica. Uma noite dessas, com insônia,entrei numa sala de chat (não vou dizer qual) e comecei a conversar com umaoutra gata. Foi a experiência virtual mais deliciosa que eu já tive. Foi tãobom, tão especial, que gravei o papo em meu HD para reler com calma.Conversamos o tempo todo no "reservado" mas resolvi mostrar aqui tudo quenos dissemos, omitindo, é claro, meu nickname e o dela.
- Como você é?
- Sou loura, tenho cabelo curtinho, olhos azuis, 1,64 m e uns 54 k. Evc?
- Eu sou morena clara, tenho 1,60m, 51k, cabelos pretos e lisos, seiospequenos, bunda bonita...
- Você já viu direitinho sua bunda ou os outros é que dizem que ela ébonita? Não temos o melhor ângulo para ver nossas bundas, eu tenho certasdúvidas em relação à minha. Meu marido diz que é bonita e gostosa mas ele ésuspeito. O que você acha?
- Bem... a minha eu vejo em fotos. Acho bonita, empinadinha...
- Acho que também deveria tirar umas fotos para ver a minha. No espelho eu gosto dela. - Meu marido gosta de me fotografar. Tenho umas fotos bem sacanas.
- Não dá problema revelar fotos assim? Gosto de me ver transando no espelho. O que
vc acha?
- Eu também adoro. Principalmente de quatro, com ele me comendo por trás.
- Você já transou com mulher?
- Já, sim.
- Como que rola uma transa entre duas mulheres? Acho que eu nem saberia por onde
começar.
- Eu adoro trocar carinhos, beijar, falar baixinho no ouvido e roçar meus seios nos de
outra gata, mamilos com mamilos, enquanto as mãos passeiampelas costas... pela bunda...
- Huuummm..... parece gostoso.
- ...pernas entrelaçadas, esfregando uma xoxota na outra... é deenlouquecer.
- Sim. E unhas afiadas deslizando suavemente pelas costas,provocando arrepios.... acredito que deve ser maravilhoso. Mãos quentes ehábeis acariciando a parte interna das coxas, subindo... enrolando os dedosnos pentelhos....
- Estou começando a ficar molhada, sabia?
- Mesmo? Eu também estou excitada e quando estou assim, fica tudoentumescido, meu grelo fica durinho...
- O meu também. O meu é bem grandão, fica enorme quando estou excitadaassim.
- O meu é pequenininho, só aparece quando estou com tesão. Acho oorgasmo da masturbação mil vezes melhor que o da penetração. Por isso achoque uma treansa com mulher deve ser uma delícia. Adoraria que uma mulher memasturbasse do jeito que eu faço...
- Eu queria tocar sua xoxota, acariciando devagar, deslizando o dedoem sua fenda e espalhando o melzinho nela toda.... Fazer movimentoscirculares no clitóris... de vez em quando mergulhar o dedo dentro davagina, mexer lá dentro, tornar a tirar e massagear o clitóris...
- Posso até sentir sua mão entre minhas pernas. Onde está a amão quenão está no teclado? Fala!
- Estou me tocando lentamente. Minha buceta está encharcada. E a sua?
- A minha também. Não sei escrever e me masturbar com a direita...aiiiii... acho que já vou gozar... que tesão!
- Goze, gata. Imagine minha língua deslizando em suas coxas, lambendosua virilha, os grandes lábios... eu abrindo sua xoxota com os dedos elambendo seu clitóris.... imagine.
- Ahhhh!... Gozei. Estou exauta! Onde está o seu marido? Depois dessaeu queria um homem.
- Está na outra sala, lendo. Tenho uma tara de ver ele metendo emoutra mulher enquanto eu chupo a xoxota dela.
- Acho que depois desta de hoje vou ter de convencer meu marido atermos "uma amante". Só que aqui neste cafundó do Judas, onde todos conhecemtodos, vai seu difícil. Você já fez isso? - Já! Você curte anal?
- Curto. Acho a mistura de dor e prazer a mais excitante, inclusiveporque ajudo me masturbando.
- Então imagine ele metendo na sua bunda e eu mamando no seuclitóris.....
- Huuuuummm... que delícia!
- O papo está ótimo... mas já viu as horas? São quase 3 da manhã.
- Meu Deus! Eu nem me toquei. E tenho que acordar cedo amanhã, querodizer, hoje!
- Vou adorar conversar com você outras vezes.
- Você ainda está com tesão?
- Excitadíssima. Vou dar uma trepada com meu gato agora.
- Faça pensando em mim.
- Vou fazer sim. Foi gostoso demais conversar com você.

Nenhum comentário: