7.27.2009



QUE TESÃO, CLARICE !!


Autor : Teresa - morenakaline@hotmail.com



Meu marido pediu que eu atendesse a uma cliente dele. Embora tenhamos o mesmo ramo de atividade , temos escritórios em lugares diferentes. Era um caso simples e Rui não pode atende-la. O nome dela era Clarice e quando a vi fiquei estranhamente atraída .... .Era bonita, uma mulher loira de cerca de 40 anos, quase da minha altura, olhos claros. ..Um tipo comum. ...Estava um pouco acima do peso, se vestia discretamente. ....Talvez fosse os seios fartos, a bunda grande, as pernas grossas. Ou o olhar penetrante. Talvez a voz delicada, meio rouca. Era uma mulher tímida e discreta, talvez fosse esse mistério ... Quem sabe eu não quisesse desvendar seus segredos , descobrir algo ou alguém naquela discrição toda. Ou talvez eu seja tarada mesmo, não sei...Conversamos e eu não conseguia tirar os olhos de cima dela... Olhava-me .profundamente, bem nos olhos, como que querendo me hipnotizar. ......Convidei-a para almoçar, aceitou... Admirei suas ancas largas, sua bunda grande e sua maneira de andar, requebrando suavemente.. T.inha muita classe. E era perfumada.. ..Almoçamos, tentei saber mais sobre ela. ..Casada, dois filhos, professora, estava em processo de separação, porisso procurou o escritorio de Rui ... Parecia muito carinhosa, o modo como falava, como olhava. Queria ficar o tempo todo ao lado dela. Me deu uma enorme vontade de beija-la , olhava sua boca bem feita...Deixei que ela desabafasse, falasse sobre o seu casamento, mas não pensava em outra coisa, queria transar com ela... Um calor subiu pelo meu corpo. Inventei um jeito de ficar com ela.... Levei-a ao cartório, ao banco, conversamos muito ( eu falava mais que ela ), rimos muito, fui tentando manter intimidade. ...Tomamos juntas o café da tarde num lugar muito agradável .... Eu já estava molhadinha, morrendo de tesão., me imaginando levantando sua blusa, desnudando seus seios e chupando – os. ..Minha xoxotinha estava ensopada... Ela estava com uma saia curta e tinha coxas grossas e alvas. ..Levei a conversa para o campo pessoal, como amor e desejo. ...Contei-lhe que embora fosse casada saia com outras pessoas que conhecia pela Internet. ( apenas omiti que gostava de mulheres ) . ..Ela me fitava intensamente, mas não disse nada, apenas que nunca havia feito isso.... Contei alguns casos em detalhes, mas ela não esboçou nenhuma reação ....Não sei porque, mas o seu jeito frágil, quieto, tímido, me deixou alucinada. ...Não estava agüentando de tesão . ...Imaginei a bucetinha dela com penugem loira....Quase à noitinha voltamos para o escritório, com outra desculpa minha. ...Estava vazio, estávamos a sós.... Ela andava pela sala e eu a olhava, transtornada. ...Os seios grandes, os lábios carnudos, as pernas grossas, o andar cadenciado. .Ela sentou-se na mesa, a saia subiu me dando uma visão das coxas magníficas e da calcinha. ..Ela falava alguma coisa, mas eu não estava ouvindo. ..Alucinada, avancei sobre ela, segurei seu rosto e a beijei, meus lábios apertaram os seus e minha língua abriu caminho para dentro de sua boca, sugando a sua língua com sede, fome , loucura... Senti o seu sabor imaginado e era mais gostoso do que eu tinha sonhado. ..Ela tentou escapar mas eu não deixei , beijando-a, tocando seus seios macios. ..Meu coração estava acelerado. Beijei-a longamente, tirando-lhe o ar. Então olhei-a sem a soltar, seus olhos estavam assustados mas doces. Beijei-a de novo, longamente, fartamente. ..Tirei minha blusa, ficando com o meu soutien meia taça novo e caro que me deixava bem gostosa. ..Queria que ela visse meus seios bem feitos. ... Retornei ofegante, o coração aos saltos à sua boca, enquanto passava a mão ávida pelos seus cabelos, nuca, costas, seios. “ Você é gostosa,”eu disse “muito gostosa “ ... Ela acompanhava meus movimentos sem falar.... Eu me esfreguei nela, beijando e mordiscando seus seios, sem despi-la. ..Ela fechou os olhos. Mordi seu queixo e lambi devagar seu pescoço e colo , me requebrando. .....Um calor intenso tomou conta de mim. ...Tirei a saia.. “ minha calcinha ta ensopada “eu disse a ela “ você me deixou com tesão “ ....Beijei e mordisquei seu seio por cima da blusa, tirei sua blusa , tirei sua saia , acariciei sua coxa, virilha, barriga, chupando seu seio por cima do soutien. ...Ela acariciou os meus cabelos , revolvendo-os. ...Soltei o soutien, encostando o rosto nos seios grandes,de grandes mamas, beijei-os ... Esfreguei a palma da mão nos mamilos, acariciei-os com os dedos, já estavam arrepiados.... Beijei-a novamente, descendo a mão pela virilha, tocando sua xaninha por cima da calcinha. “ta molhadinha ? “ perguntei, quase gemendo. ...Ela apenas acenou com a cabeça. .......Eu senti a umidade passando pelo fino tecido da calcinha, alisei pressionando, enquanto lambia o biquinho do seio. ...Ela gemeu bem baixinho..... Lambi os mamilos durinhos, suguei-os sofregamente, enquanto ela acariciava meus cabelos. ...Enfiei a mão por dentro da calcinha, tocando seus pelinhos. ...Ela gemeu um pouco mais alto e se remexeu quando a toquei. ...Ela se arcou para a frente, acomodando melhor minha mão e boca. ...Ensopada, quente, tirei o soutien e a calcinha, fazendo-a olhar para mim..“veja como sou gostosa. Sou tua “ ...Comecei a me masturbar enquanto chupava seus seios, alternando entre os lábios, mordidas no pescoço e orelhas e esfregava meus seios nos dela. ....Lambi seus seios, mordendo de leve, , chupando devagar mais firmemente, soprando. ....Empurrei sua calcinha para baixo,com a ajuda dela, peguei-a , cheirei-a, dei para ela cheirar, esfreguei sua xaninha com a calcinha....Suguei vigorosamente os seios, barulhenta, obscena. ...Ela gemia, me alucinava.... Massageei seu grelinho duro, escovava os dedos com suavidade mas força em sua racha molhada. Enfiei um dedo e tirei, úmido, enfiei dois dedos e deslizei pelos grandes lábios, sentindo as contrações dela ao meu toque. ...Eu me tocava também, a minha umidade escorria pelas coxas. ...Ela apenas gemia, agora cada vez mais alto. ......Minha língua e boca chupavam ruidosamente os biquinhos em pedra, arrepiados,.... Meus dedos desapareceram naquela selva loira e macia e escavei até achar o grelinho bem duro, que friccionei com força e rapidez. .....Ela puxou minha cabeça para um beijo selvagem e se contorceu espamodicamente, sacudindo todo o corpo. ......Apertou meu pescoço e gozou, gritando no meu ouvido. .......O orgasmo fez sua bucetinha se contrair, apertando meus dedos dentro dela. ......Seu gozo inundou meus dedos e eu fiquei sentindo o grelinho pulsar suavemente...... Levei os dedos empapados para a sua boca, passando lentamente ao longo dos lábios. Ainda se contraindo, ofegante, ela chupou meus dedos, devagar , me olhando profundamente.. .....


QUE TESÃO, CLARICE !!! PARTE DOIS

Autor : Teresa - morenakaline@hotmail.com



Sentei-me no sofá, cansada. Olhei apaixonadamente para Clarice. Estava linda, com o rosto avermelhado, ali nua. Parecia confusa, um pouco envergonhada, talvez não soubesse bem o que pensar, mas eu sabia que tinha gostado de mim. ...Eu estava sentada, de pernas abertas. ..Estava tesuda ainda, eu não tinha gozado. Estava querendo que ela me chupasse, queria sentir aquela boca gostosa na minha xaninha. . “me chupa “, eu disse. Ela me olhou, hesitava. Dei mais uns momentos para ela. “me olha” disse “ olha sua fêmea gostosa “. ...E me alisei, passando a mão nos meus seios médios , durinhos, de mamilos duros., descendo pela minha barriga, meus pelinhos negros aparadinhos e minha bucetinha. ...Alisei o meu grelinho durinho e grandinho, me acariciei..... Ela acompanhava com os olhos meus movimentos. “você gosta da sua taradinha ? “perguntei , com cara de safada. ..Clarice acenou com a cabeça . “Então me chupa “ eu disse. Ela continuou me olhando. Eu ordenei,então, com firmeza. “Chupa ! “. Eu estava morrendo de paixão e desejo, ela estava confusa. “então me beija, bem gostoso ! “pedi. Ela se debruçou e me beijou carinhosamente, desde as pálpebras, o rosto, até os lábios, sugando minha língua deliciosamente, me arrepiando. ...Empurrei sua cabeça para o meio de minhas pernas . “vem , gostosa, esfrega o rosto aqui “ , ordenei, suavemente. ...Senti a pele macia do seu rosto na parte interna de minhas coxas, sua respiração arrepiando minha pele....Empurrei-a suavemente para o chão, beijei-a novamente, tonta de tesão. “me chupa, me chupa “. ...Me arreganhei e passei a xoxota molhada e quente pela sua barriga, pelo biquinho do seu seio, no queixo, na boca, me esfreguei na sua cara, requebrando, gemendo. “ chupa sua fêmea, tesão ! “. ..Pedi que ela apertasse minha bunda, enquanto me esfregava, arreganhada, rebolando, bem vadia. ..Rebolando ao contato da língua na racha e no grelinho, eu fui aos céus. “abre, tesão, abre sua vadia, suga ! “. ...Ela sugou o liquido da portinha. “puta, que tesão, ! “gemi. ....Ela mexeu com a língua dentro da xana, sentindo meus grandes lábios se contraindo, mordeu o grelinho inchadinho de tesão, eu estava sentindo um prazer inacreditável.. ela começou a me chupar como se chupa uma laranja, com a mesma sede, morri de prazer. ...Pedi que ela me olhasse, queria que visse o prazer que estava me proporcionando. ..Rebolei mais na sua boca , com um tesão louco. ...Ela enfiou um dedo na minha buceta, em movimentos rápidos. Pedi um dedinho no cuzinho, ela enfiou, pressionando, mexendo. “me chupa mais, tesão, me suga toda, me seca ! “., eu gritei, maluca, mexendo com os quadris para todos os lados. Meu grelinho estava quase explodindo de tão inchado... Beijei-a, fiz com que me olhasse, deitei de barriga pra cima com as pernas bem apertas e pedi que ela me fizesse gozar. ..Ela passou a língua em toda a extensão de minha racha, abriu os lábios da xana, deixou bem arreganhada e explorou com a língua, sem pressa, me torturando. ..Eu levitei, respirei ruidosamente, gemi bem alto, rebolei na sua língua. Queria mais e mais. Ela deu palmadinhas no meu grelinho, esfregou com a palma da mão , enfiava e tirava rapidamente o dedo. ...Eu abria mais as pernas e à meu comando ela colocou dois dedos e depois três , aumentando a intensidade. ..Me sugava com vontade, puxava o grelinho com os dentes, me fazendo contorcer ,dançando ao ritmo de sua boca, dedos e do meu tesão. “ai , eu não agüento mais, vou gozar ! “.... Implorei para que ela colocasse um dedo no meu cuzinho e ao sentir ela me penetrando , me retesei, tudo escureceu, um formigamento tomou conta de mim e eu explodi num orgasmo intenso, gritando de prazer, gozando loucamente. ..Gozei duas vezes quase em seguida. ..Não tinha um orgasmo assim há tempos. Creio que até a assustei com a intensidade do meu gozo. ...As contrações foram sendo acompanhadas pela sua língua., depois foram diminuindo, em movimentos mais lentos. ..Eu a puxei para cima de mim, beijando –a . ..Apertei sua mão na minha xota, para que ela sentisse o que agora ela dela. “ Que delicia, Clarice !obrigada, obrigada, obrigada “ , eu disse, sorrindo, suada, molinha. “Obrigada”eu repeti várias vezes... Ela me olhou carinhosamente, me beijou, baixando os olhos,, um pouco envergonhada :.... Eu a olhei e sorri, ainda agradecendo, me sentindo bem safada..

Nenhum comentário: